Com a expansão do comércio eletrônico e a disseminação da internet, diversos empreendedores ainda têm dúvidas sobre a possibilidade de integração do e-commerce e loja física. Com todos os benefícios que o meio digital proporciona — reduzidos custos de operação e manutenção, maior público e melhor flexibilidade, por exemplo — essa união pode ser bastante vantajosa para quem procura ampliar seu canal de vendas.

No entanto, não basta apenas deixar de lado seu estabelecimento físico e mergulhar no virtual: é fundamental criar uma estratégia eficiente, que seja capaz de integrar setores de forma efetiva.
Sendo assim, preparamos um passo a passo de como unir o meio físico com o virtual para otimizar suas operações comerciais. Confira agora!

Defina estratégias

O crescimento de lojas virtuais impulsionou a entrada de novos comerciantes nesse setor, o que ampliou consideravelmente a concorrência. Conforme pesquisa feita pelo Biga Data Corp, em 2018 o e-commerce cresceu 12% no Brasil. Desse modo, quando a concorrência está em alta, as estratégias para conseguir se destacar nesse mercado devem ser plenamente efetivas.

Como o meio virtual é diferente do físico, em que o cliente fica adstrito a percursos e deslocamentos, no e-commerce isso não é um problema para comprar em outra loja. Vendedores online costuma atuar com descontos chamativos e promoções significativas. Assim, é necessário sempre estar atento à concorrência.

O tempo do comércio virtual corre mais rápido do que no varejo físico. Atualmente, é possível automatizar várias atividades, como também disponibilizar descontos para não perder o consumidor. Desse modo, você deve criar uma estratégia ideal para conciliar o e-commerce e loja física, a fim de conquistar clientes de ambos setores.

Escolha uma boa plataforma

Uma plataforma pode impactar diretamente no crescimento do negócio. Há opções gratuitas no mercado, contudo, é preciso analisar suas necessidades e metas para escolher aquela que melhor agregue funcionalidades ao seu comércio.

Uma questão muito importante é a união da plataforma com seu sistema de gestão empresarial. Processos de venda e estoque devem ser coordenados, a fim de evitar problemas e falhas técnicas. Esse tipo de contratempo pode gerar perda de clientes ao longo do tempo e, por conseguinte, prejuízos ao negócio.

Adote um ERP

Com uma plataforma que dê conta das demandas do empreendimento em relação às possibilidades de integração do e-commerce e loja física, chega o momento de dar o próximo passo: escolher o Enterprise Resource Planning (ERP). Essa solução proporciona diversas funcionalidades de gestão de processos das lojas, desde a área financeira até o estoque, unindo os dados do setor virtual e físico.

Um dos benefícios do ERP é, por exemplo, a gestão automática do estoque integrado. Utilizando esse mecanismo, você consegue impedir que determinadas circunstâncias prejudiciais ocorram, como a venda duplicada de um produto.

Imagine que exista somente mais uma unidade de determinado modelo de sapato no estoque e o vendedor acabou de repassá-la, mas ainda não informou ao sistema. Nesse tempo, outro cliente realiza a compra do mesmo produto via e-commerce. A omissão de atualização imediata exigiria, dessa forma, o cancelamento da venda, gerando a insatisfação do consumidor.

A integração dos estoques para permitir a atualização automática dos dados conforme a saída das mercadorias, é fundamental para garantir uma melhor experiência para o cliente. Com uma plataforma totalmente integrada, seu e-commerce recebe essas atualizações instantaneamente, apresentando rapidamente que a mercadoria se encontra indisponível.

Conte com tecnologia omnichannel

O omnichannel é a retirada das barreiras entre as distintas formas de contato da empresa com seu público, de modo que ele possa percorrer entre as possibilidades disponibilizadas pela marca. Caso um usuário queira fazer uma visita ao site do negócio, avaliar as mercadorias, comprar e retirar o produto na loja física, conceda essa possibilidade.

No entanto, se ele vai até o estabelecimento e quer ver demonstrações de uso de um determinado item, um vídeo interativo no ponto de venda pode ser uma excelente opção. A ideia é integrar o meio online e offline da maneira que o cliente desejar, dando foco em qualidade e atenção com a experiência de compra.

Para isso, é fundamental utilizar os recursos tecnológico disponíveis. Vídeos, painéis interativos e a retirada ou troca no ambiente físico são exemplos de como você pode seguir a tendência do omnichannel.

Use os recursos das mídias sociais

As redes sociais são excelentes ferramentas para os negócios empresariais. Elas apresentam um longo alcance com um investimento reduzido. Isso promove a disseminação de sua marca na internet, ampliando as possibilidades de venda ao longo do tempo.

Uma ótima maneira de promover o seu negócio e atrair novos consumidores é estimulando seus clientes a fazerem check-in no estabelecimento. Com esse mecanismo, um comprador pode tirar uma foto e marcar a localização da sua empresa. Sua rede de contatos visualizará o local nas plataformas digitais e o terá como uma possível indicação para o serviço prestado.

Tenha um rígido controle de estoque

Integrar o e-commerce e loja física resulta em uma melhoria importante para a administração do seu estoque. Isso ocorre porque dois estoques requerem duas gestões e duas equipes responsáveis pelo fluxo de mercadorias. Essa perspectiva pode acabar não só diminuindo a eficiência do seu negócio, como também criando mais custos.

Por conseguinte, a solução é investir em um estoque integrado e que seja capaz de otimizar o espaço do armazém. Isso possibilita promover a gestão correta de itens estocados (etapas, como precificação e controles de entrada e saída dos produtos). Nessa fase, é importante organizar o cadastro de produtos com o uso do código de barras para uma melhor rastreabilidade.

Além disso, você também passa a atuar com um time mais enxuto, aproveitando bem os potenciais de cada colaborador. Tudo isso é motivo que influencia no andamento e lucratividade do negócio.

Enfim, qualquer empreendedor pode conciliar o e-commerce e loja física. O meio virtual é bastante democrático e apresenta excelentes oportunidades para segmentos de variados tamanhos. Além do mais, há diversas soluções que auxiliam nessa integração e que são fundamentais para a expansão dos negócios nos meios digitais.

E aí, gostou deste post? Compartilhe este texto em suas redes sociais e permita que mais pessoas tenha acesso a este assunto!

Banner Tudo que você precisa saber sobre Código de BarrasPowered by Rock Convert