Você que é um empreendedor de uma pequena ou média empresa sabe que a gestão do negócio envolve diversos desafios, não é mesmo? Entre eles estão o controle do estoque, das compras, das vendas e de todos os trâmites financeiros. Com tantos aspectos para gerenciar, é fundamental contar com a tecnologia a fim de garantir máxima eficiência. Nesse sentido, o código de barras em PME é indispensável.

Se você quer ver o seu negócio crescer no mercado, mas ainda não tem um código de barras, veja neste artigo quais são os benefícios que ele proporciona para fabricantes e comerciantes e quais são as vantagens para os pequenos e médios negócios. Então, aproveite o conteúdo e boa leitura!

Benefícios do código de barras para fábricas e comércios

O código de barras está presente em quase todos os produtos que circulam pelo mercado atualmente. A sua implementação proporciona uma série de benefícios para as empresas, como veremos a seguir.

Facilidade de identificação dos produtos

O código de barras foi criado para facilitar a identificação dos produtos e permitir a leitura automatizada das informações. A forma como cada código é alocado leva em conta fatores como:

  • país de origem do produto;
  • empresa fabricante;
  • tipo de produto;
  • características (cor, tamanho, sabor etc.);
  • quantidade de unidades (para pacotes com mais itens, como fardos).

Sendo assim, com base na numeração criada se torna muito mais fácil manter um cadastro mais completo dos produtos e fornecedores, além de controlar tudo isso de forma simples e rápida por meio de automação.

Maior controle de estoque

O controle manual do estoque é um dos problemas mais graves em uma PME. Afinal, qualquer distração na hora da contagem interfere na veracidade dos dados. Imagine que um funcionário faça a venda da última unidade de um determinado produto e esqueça de anotar a baixa no estoque. Na hora de fazer um inventário, a quantidade de itens no estoque não vai bater com os registros de vendas.

Com o uso do código de barras, tanto as compras quanto as vendas dos produtos são registradas automaticamente no sistema de gestão, tornando o processo mais ágil e seguro..

Melhoria na logística

A mesma empresa pode criar diferentes tipos de códigos de barras para serem utilizados em cada situação. Nas embalagens das unidades, o ideal é utilizar o EAN. Contudo, para otimizar questões logísticas, o código ITF-14 permite a impressão nas caixas de papelão utilizadas para transportar os produtos da fábrica até os distribuidores e comerciantes finais.

Assim, o uso combinado de vários tipos de códigos de barras faz com que o controle logístico seja mais eficiente. Isso faz toda a diferença na relação com parceiros comerciais, tanto para quem produz quanto para quem compra para revenda.

Emissão de nota fiscal

Outro tipo essencial de código de barras em PME é o GTIN, utilizado nas NF-e 4.0. Trata-se de uma das exigências fiscais estabelecidas pelo Ministério da Fazenda para padronizar o leiaute de envio das notas fiscais para a Sefaz.

Outra vantagem desse tipo de código é o fato de ele ser internacional, permitindo a utilização para transações comerciais em outros países, em vendas online pelo Google Shopping ou em marketplaces, por exemplo.

Agilidade no atendimento

Por fim, todas essas melhorias citadas até aqui proporcionam um melhor atendimento ao consumidor final. Com o estoque mais controlado, a reposição é realizada de forma adequada, evitando a falta de produtos para a venda. Além disso, a organização dos itens permite melhor acessibilidade para que os funcionários encontrem o que precisam.

Por outro lado, o uso do código de barras nos pontos de vendas agiliza o atendimento às filas.

Importância do código de barras em PME

Como você pôde ver, os códigos de barras trazem muitas vantagens para as empresas. Contudo, vamos destacar a importância deles no cenário de PMEs em específico. Acompanhe.

Modernização dos processos

Mesmo que o seu negócio ainda esteja no começo, é muito importante pensar grande para tomar as melhores decisões para o longo prazo. O uso do código de barras nos processos de compra, venda e administração torna a empresa mais moderna e preparada para enfrentar os desafios cotidianos.

A implantação de softwares de gestão ajuda a controlar melhor a produtividade dos setores e o código de barras atua na automação da entrada de dados nos sistemas. Isso mantém as informações atualizadas e seguras, evitando erros de digitação ou de esquecimento por parte dos funcionários.

Redução de custos

Com processos mais ágeis e modernos, a empresa ganha em efetividade. Isso significa que as tarefas serão executadas em menos tempo e em maior quantidade, sem que haja a demanda de contratação de mais mão de obra.

Além disso, as melhorias no controle de estoque reduzem os desperdícios, melhorando o aproveitamento de produtos já existentes antes de efetuar novas compras.

Escalabilidade para o negócio

O motivo mais importante de todos os citados é a escalabilidade que o uso do código de barras permite para o negócio. Quando uma empresa começa pensando em suas metas de longo prazo, a preparação para o crescimento se dá de forma muito mais eficaz e certeira. Os custos com refações são minimizados e, por vezes, até inexistentes.

Dessa forma, usando o código de barras em PME, todos os processos operacionais estarão prontos para crescer e suportar o aumento das demandas que vão surgir à medida que a sua empresa ganha destaque no mercado. Sem ele, a automação se torna inviável e os custos de tempo e recursos financeiros para alcançar os mesmos resultados serão muito maiores.

Portanto, se você está começando agora e ainda não tem um código de barras para os seus produtos, mas quer trazer mais competitividade e lucratividade para o seu negócio, a melhor hora para começar é agora! Solicite seu código de barras e garanta seu sucesso!

Banner Tudo que você precisa saber sobre Código de BarrasPowered by Rock Convert