Banner de Exportação para PME'sPowered by Rock Convert

A Black Friday está chegando e muitas empresas já começaram a se preparar. Afinal, essa é a segunda melhor data do ano para o varejo, perdendo apenas para o Natal. Só na edição de 2017, foram movimentados mais de R$ 2 bilhões, o que representa uma alta de mais de 10% em relação ao ano anterior.

Contudo, é importante preparar o estoque para garantir boas vendas e evitar problemas com as entregas. Pensando nisso, preparamos 6 dicas muito importantes para facilitar a logística da sua empresa durante esse período.

Ficou curioso? Continue a leitura e confira!

1. Faça uma estimativa de vendas

O primeiro passo para garantir uma Black Friday de sucesso é conseguir estimar o volume de vendas com a máxima precisão possível. Analise as informações sobre o desempenho no ano anterior e confira a média de faturamento dos últimos meses para, enfim, entender qual é o melhor rumo a ser seguido.

Outra estratégia muito importante é pesquisar o que os concorrentes esperam da data. Esse ponto contribui para um ajuste entre a sua expectativa e a tendência real do mercado. Logo, as possibilidades de cometer grandes erros, tanto para mais quanto para menos, são bem menores, o que potencializa o aproveitamento da data e evita prejuízos.

2. Antecipe-se junto aos fornecedores

Como fabricante, sua empresa necessita se preparar com uma antecedência maior do que a das lojas do varejo, por exemplo. Até o dia de maior volume de vendas, boa parte dos produtos deve estar pronta e disponível para as empresas entregarem a seus clientes.

Para tanto, sua equipe de produção precisa contar com toda a matéria-prima necessária anteriormente, de forma a não paralisar ou atrasar a operação. Por isso, é fundamental estar em contato direto com os fornecedores.

Quanto mais cedo eles forem avisados do aumento da demanda, menores serão as chances de acontecerem problemas. É preciso lembrar que existe toda uma cadeia até os suprimentos chegarem à sua fábrica. Se todos estiverem devidamente alinhados, o ganho será muito maior.

3. Tenha um controle de estoque eficiente

O controle de estoque eficiente deve fazer parte da rotina de um fabricante. Contudo, esse momento de aumento significativo nas vendas requer cuidados especiais.

Não se esqueça de que estamos falando de uma situação atípica quando comparada ao restante do ano como um todo. Por essa razão, alguns pontos merecem destaque, como abordaremos a seguir.

Confira o volume preexistente

Antes de começar a fazer pedidos junto aos fornecedores, é essencial saber a exata situação do estoque. Comece avaliando a quantidade de produtos acabados — principalmente aqueles que ainda não estejam vendidos.

Em seguida, faça um levantamento dos materiais disponíveis para a produção. Só depois de realizar todo esse inventário é que você conseguirá medir a demanda real de matéria-prima com maior precisão.

Avalie a estimativa de vendas

O estudo mencionado será de grande valia nesse momento. A estimativa de vendas ajuda a determinar o volume de pedidos que precisará ser atendido e, consequentemente, o tamanho da sua necessidade junto aos fornecedores.

A partir desse alinhamento, a precisão da demanda se torna bem maior, o que aumenta a margem de lucro e reduz as perdas ou os prejuízos.

Verifique a capacidade de armazenamento

Por mais que as expectativas sejam excelentes, existe um limite a ser respeitado. Muitas vezes, os empresários acabam negligenciando a amplitude produtiva e de armazenamento da produção. Mas isso pode trazer uma série de problemas, principalmente à capacidade de entrega e ao cumprimento dos prazos junto aos clientes.

Por isso, garanta que a quantidade de itens fabricados não supere o volume de espaço disponível para guardá-la. Não deixe que a ansiedade por vender mais prejudique a qualidade do seu atendimento e a boa imagem da empresa perante o mercado.

Considere a rotatividade do estoque

A estratégia de ocupação do local de armazenamento pode proporcionar um ganho expressivo em sua capacidade. Por esse motivo, além de considerar o volume do espaço, é importante avaliar as previsões de entradas e saídas dos produtos. Assim, é possível otimizar a logística de armazenamento e aumentar a eficiência da gestão de estoque.

4. Prepare-se para uma demanda mais elevada

A Black Friday é uma data que aumenta consideravelmente a demanda de fabricação. Em alguns casos, as empresas vendem o correspondente a mais de um mês inteiro em apenas um dia.

Portanto, é importante contar com um esquema especial para dar conta do acréscimo. Algumas atitudes, como o aumento dos turnos, a contratação de mão de obra temporária e o aluguel de galpões para colocar a produção extra, podem ajudar nesse sentido.

5. Fique atento aos prazos de entrega

O cumprimento do prazo de entrega é importantíssimo para a imagem da companhia no mercado. Essa preocupação demonstra compromisso e seriedade — valores que têm um grande peso para clientes e parceiros. Entregar antes da data esperada é melhor do que atrasar.

Sendo assim, não informe prazos muito justos. Por maior que seja a impaciência do cliente ou parceiro, não se comprometa com algo que demande um esforço adicional para ser cumprido. Considere uma margem de segurança para possíveis imprevistos e faça um esforço para entregar no menor tempo possível.

6. Utilize as ferramentas adequadas

O uso de algumas ferramentas contribui para uma melhoria relevante na eficácia da administração logística na indústria. Entre as mais conhecidas e utilizadas, estão os softwares de gestão e automação da produção. Por meios deles, é possível agilizar os processos e torná-los mais eficientes.

Contudo, um dispositivo que potencializa todas essas ferramentas e não tem o devido protagonismo é o código de barras. Ele pode ser de diversos tipos e carrega informações cruciais sobre as mercadorias e o processo de produção em si. Com o seu auxílio, fica muito mais fácil controlar a fabricação e permitir o rastreamento de ponta a ponta do produto.

Enfim, a Black Friday pode ser uma data ainda mais vantajosa se a logística da empresa for preparada adequadamente. Com isso, você aumentará a capacidade e a qualidade de atendimento da sua indústria, conquistando a confiança de clientes e parceiros.

Se você gostou deste artigo, deixe seu comentário logo abaixo. Sua opinião é muito importante para nós!

Banner para o Guia da Negociação: Como fechar mais negócios e otimizar seu resultadoPowered by Rock Convert