Banner de Exportação para PME'sPowered by Rock Convert

O sucesso de uma empresa depende de diversos fatores, tanto internos quanto externos. Para lidar com cada um deles, é fundamental contar com funcionários focados e dedicados, principalmente nos times de marketing e vendas.

Esses são os dois setores especialmente criados para trazer receita para o negócio. Sendo assim, devem trabalhar em conjunto a fim de garantir melhores resultados.

Para ajudar você a encontrar esse equilíbrio entre eles, veremos neste artigo o conceito de smarketing. Em seguida, daremos dicas de como fazer para que as equipes de vendas e marketing atuem em conjunto na sua organização. Então, ficou interessado? Acompanhe a leitura para conferir!

O que é smarketing?

O termo smarketing vem da junção de duas palavras da língua inglesa: sales (vendas) e marketing. Em português, encontramos alguns autores utilizando o termo “vendarketing”. Em suma, ele representa a união desses dois setores, de forma a garantir que eles estejam com as suas estratégias alinhadas. De acordo com esse conceito, cada uma das áreas tem o seu papel, em separado, além de um terceiro, atuando juntas.

Papel do time de marketing

O setor de marketing é o responsável por atrair as pessoas que poderão se tornar clientes no futuro. Ele pode fazer isso utilizando inúmeras metodologias, como o inbound marketing, o outbound marketing e o marketing de conteúdo. Além disso, ele fica encarregado de qualificar esses prospects, elegendo os mais aptos a fechar uma compra e trabalhando os demais para levá-los a esse nível.

Papel do time de vendas

Já o papel do time de vendas é pegar esses prospects, qualificados pelo marketing, e convertê-los em novos clientes. Dessa forma, os vendedores têm uma função mais persuasiva e incisiva que os analistas de marketing. São eles que entram em contato por telefone, e-mail e demais canais de comunicação para convencer os clientes a adquirir o que a sua empresa oferece.

Responsabilidades compartilhadas

O grande diferencial do smarketing está na transição desses possíveis clientes de um setor para o outro. Enquanto, tradicionalmente, cada setor agia de forma própria, no vendarketing existe uma integração que garante certos alinhamentos — o mais importante deles diz respeito à qualificação, por exemplo.

Assim, por meio de um acordo entre as partes, são definidos os critérios necessários para que a responsabilidade sobre o prospect deixe de ser do marketing e passe para o setor de vendas.

Como fazer com que marketing e vendas trabalhem juntos?

Apesar de todos os benefícios que a união entre marketing e vendas pode proporcionar, nem sempre é fácil fazer com que esses setores atuem em conjunto. Por isso, separamos algumas dicas muito eficazes para ajudar você nessa tarefa. Confira!

Defina metas relacionadas

Quando uma empresa precisa que dois setores cumpram um objetivo em comum, é fundamental que eles tenham as mesmas metas, ou que elas sejam diretamente relacionadas e interdependentes. Nesse sentido, não é possível, por exemplo, exigir que o time de vendas aumente em 30% o faturamento do mês enquanto a meta do marketing é reduzir os custos com campanhas em 50%.

As duas áreas devem definir juntas as suas metas, de forma que a de um setor complemente a do outro e, no final, o objetivo maior da empresa seja alcançado.

Mantenha um canal de comunicação aberto

Outro aspecto muito importante para ter um smarketing eficiente é assegurar que a comunicação flua perfeitamente entre os dois times. Eles precisam “falar a mesma língua” e ter uma convivência pacífica, sem disputas desnecessárias.

Uma estratégia vital para o sucesso dessa empreitada é a realização de reuniões periódicas de alinhamento, em que os dois lados possam expor as suas dificuldades, sugestões de melhorias e pontos positivos. Com isso, as equipes ficam mais próximas e a cooperação entre elas é muito maior.

Tenha um acordo formal entre as duas áreas

É preciso ressaltar aqui que estamos falando de duas áreas da empresa que têm, historicamente, o costume de “jogar a culpa” uma na outra. Não será, portanto, da noite para o dia que as coisas entrarão nos eixos — mas ainda é preciso dar o primeiro passo.

Principalmente no início, é indispensável firmar um acordo entre as partes. Nele, devem estar bem claras as condições requeridas e os esforços aos quais cada setor se compromete. Com o tempo, essas exigências diminuem e os melhores caminhos serão descobertos; até lá, esse documento é necessário para evitar ruídos e confrontos.

Use e confie nos números

A colaboração entre marketing e vendas também é muito mais eficaz quando baseada em dados reais. Até porque a definição das táticas a serem usadas deve ter como ponto de partida a análise dos resultados passados e as projeções dos próximos meses. Para isso, cada uma das áreas deve trazer as suas informações à mesa para, juntas, definirem um plano de ação que faça sentido para ambas.

De tempos em tempos, os métodos podem ser aperfeiçoados de acordo com a resposta do mercado. Ainda assim, o que merece destaque é: de forma alguma as ações podem ser planejadas com base em “achismos”. Além de não ser a forma mais profissional de atuar, essa atitude pode trazer grandes prejuízos à organização.

Promova o compartilhamento das informações

Por último, mas não menos importante, estimular o compartilhamento das informações é primordial para obter bons resultados com o vendarketing. Afinal, de nada adianta os times traçarem todas as estratégias juntas se, no dia a dia, os dados forem mantidos em segredo.

A ideia de tê-los juntos é fazer com que as áreas sejam parceiras, não adversárias. Logo, crie ambientes favoráveis, promova a interação entre as duas equipes e estimule as iniciativas em conjunto. Faça com que todos os colaboradores sintam-se parte de uma mesma empresa, ainda que em times diferentes. Isso evitará a necessidade de esconder informações e o surgimento de desavenças.

Enfim, como podemos ver, unir os setores de marketing e vendas é uma excelente forma de garantir resultados mais expressivos no faturamento da empresa. Com cada uma delas cumprindo o seu papel com qualidade e alinhadas ao objetivo maior do negócio, o sucesso chegará muito mais rápido, e de forma ainda mais fácil!

Então, gostou do nosso artigo? Agora, aproveite para conferir também o que é o consumidor 4.0 e como se preparar para atendê-lo!

Banner para o Guia da Negociação: Como fechar mais negócios e otimizar seu resultadoPowered by Rock Convert