Rastreabilidade de Produtos: entenda o impacto dessa atividade nas empresas

Compreender o que é rastreabilidade, seus impactos e como aplicá-la no setor produtivo  são fatores essenciais para usufruir dos benefícios que a atividade promove. Quer se aprofundar no assunto? Então, leia este post até o fim.

​​​​​​​​A rastreabilidade surgiu a partir da necessidade de saber a localização de determinado produto na cadeia logística, pois ao utilizá-la é possível recuperar o histórico da aplicação ou da localização do produto, por meio de uma identificação única e inequívoca que ele carrega. Ou seja, este processo deve manter o registro e o histórico do produto desde a origem da matéria-prima, passando pelo processo produtivo até o destino final.

Leia também: Você sabe o que é rastreabilidade?

Atualmente, as indústrias têm voltado sua atenção para os benefícios e os impactos da rastreabilidade de produtos, afinal, a atividade agora é considerada uma parte vital da cadeia de suprimentos. 

O resultado dessa nova percepção é o desenvolvimento de processos de rastreabilidade para melhorar a eficiência, ajudar na proteção de suas marcas e garantir que seus produtos sejam seguros e atendam às normas de qualidade impostas pelos órgãos reguladores. 

A projeção de crescimento do mercado de rastreabilidade no Brasil até este ano é 8,7% maior do que a estimativa de crescimento do próprio PIB (Produto Interno Bruto) no País, que é de 6,7%, aponta a análise do Monitor Deloitte, que também reforça o quanto é fundamental a indústria investir em processos de rastreabilidade para possibilitar a visibilidade, a qualidade e a segurança dos seus produtos em toda a rede de suprimentos.

Segmentos industriais que podem se beneficiar da rastreabilidade 

O investimento na rastreabilidade de produtos pode gerar ganhos em todas as áreas industriais, abrangendo desde o varejo, passando pela indústria alimentícia até os bens de consumo em massa no setor de saúde, logística e Defesa Nacional.

Portanto, progressivamente, a habilidade de rastrear materiais e produtos na cadeia de suprimentos tem se tornado essencial para identificar e localizar, por exemplo, alimentos ou medicamentos não seguros ao consumidor e removê-los do comércio, bem como validar a presença ou a falta de atributos importantes aos consumidores.

A rastreabilidade também tem se tornado uma ferramenta na luta contra a falsificação de produtos e proteção de marcas. A rastreabilidade de alimentos, por exemplo, nos últimos tempos se tornou um requisito regulatório como forma de proteção ao bioterrorismo. 

Desta forma, a rastreabilidade pode tanto ser usada para esses objetivos como uma ferramenta para:

  •       Gerenciamento de qualidade, risco ou informações.
  •       Fluxos logísticos.
  •       Vantagem comercial.
  •       Avaliação de gestão de demandas.

Confira o nosso GUIA: O Padrão Global de Rastreabilidade

Impactos dessa atividade 

Praticamente, todos os problemas de qualidade que afetam um produto causam prejuízos em alguma parte do processo. Caso alguma falha seja identificada no processo produtivo, considerado inicial, é possível assumir o controle, mas ainda assim haverá retrabalho. O ponto de agravamento é se o problema chega até o consumidor final, já que ele pode alcançar uma abrangência muito maior e impactar negativamente a imagem da empresa. 

Imagine uma produção em grande escala? Se os produtos não tiverem um lote devidamente registrado, a indústria pode “perder o controle” do que foi produzido, o quanto foi produzido, para quem foi vendido e quanto do produto está disponível para  venda. 

Lembre-se que todo o processo constrói a fidelização por parte do cliente, que confiará na política de qualidade da empresa e na transparência na tratativa dos problemas. Um processo de rastreabilidade confiável e rápido na indústria evita uma série de problemas, pois identifica, agiliza e delimita as inconformidades que furaram o controle industrial interno, auxiliando na contenção do problema o mais cedo possível.

Saiba como a rastreabilidade de produtos auxilia na redução de custos



O que é um sistema de rastreabilidade confiável?

É aquele que, unificadamente, satisfaz as expectativas de todas as partes interessadas e atende um público cada vez mais exigente e bem-informado. Portanto, da mesma maneira que as indústrias reconhecem o valor da rastreabilidade, elas têm dispensado sistemas de rastreabilidade diversos e potencialmente conflitantes, e priorizado um sistema que seja facilmente implementado por todos na cadeia de suprimentos.

Os padrões de identificação da GS1 Brasil (GTIN, códigos de barras, entre outros) são utilizados no mundo inteiro e garantem visibilidade de ponta a ponta em toda a cadeia de suprimentos, o que faz total diferença quando as palavras são segurança e qualidade.

Agora que você já conhece os impactos e os benefícios da rastreabilidade de produtos na indústria, confira os nossos cases de sucesso relacionados à atividade.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.