Cultura de dados pode trazer as melhores soluções para o seu negócio

Antigamente, a tomada de decisões costumava ser baseada em incógnitas ou no máximo na percepção das pessoas que estavam inseridas há mais tempo em um determinado processo. Mas, com a transformação digital, também surgiu a cultura de dados, que hoje auxilia na estruturação de estratégias e na definição de ações mais assertivas.

Nesse contexto, empresas que ainda não adotam a cultura de dados tendem a ficar para trás no que diz respeito a conquistar novos clientes e reter os já existentes. Inicialmente, pode até não parecer, já que exige a reestruturação de processos, adoção de novas tecnologias e capacitação da equipe, mas acredite: investir na cultura de dados é uma ação inteligente e rentável.

De acordo com o relatório “The Data-Powered Enterprise: Why Organizations Must Strengthen Their Data Mastery”, realizado pela Capgemini Research Institute, as empresas que são movidas a dados superam amplamente seus concorrentes em termos financeiros, obtendo 70% mais receita por funcionário e gerando 22% mais lucros.

O levantamento ainda revela que as empresas que adotam esta cultura podem criar, processar e aproveitar dados proativamente para cumprir seu propósito corporativo, atingir seus objetivos de negócios e impulsionar a inovação. Entretanto, é importante ressaltar que apesar de a aplicação de dados e análises ter se tornado um pré-requisito para o sucesso, menos de 40% das organizações usam insights baseados nessa estratégia para gerar valor aos negócios e inovação.

Se a sua empresa faz parte desses 40%, chegou a hora de mudar o mindset!

Definindo a cultura de dados

Antes de continuarmos, é interessante ampliar um pouco mais a definição do que é cultura de dados para então entrarmos nas soluções que ela pode promover para um negócio. 

Também conhecido como Cultura de Analytics, esse conceito permite que os inúmeros dados e informações sejam centralizados, ou seja, compilados em um só lugar para que todas as áreas de uma empresa possam acessá-los. 

Parece simples a utilização dos dados desta forma, mas para que de fato seja, todos os envolvidos devem adquirir agilidade, vontade de transformar e paciência. Mas, por que paciência?

Porque esta cultura estabelece que a análise de dados esteja no centro de todas as projeções e ações estratégicas que possam servir como base para as tomadas de decisões. Outro ponto é que, estruturar esse processo pode levar tempo e requer capacitação, por isso, é indispensável minerar dados de maneira organizada, em seus diversos departamentos, para que o processo não sofra limitação de acesso.

Mais motivos para implementar a Cultura de Dados na sua empresa

Além da cultura orientada a dados auxiliar na criação de estratégias e melhorar as tomadas de decisões, existem outros benefícios que reforçam a importância de começar essa jornada de dados na sua empresa o quanto antes. Continue a leitura e saiba quais são eles:

  1.     Economia

A cultura de dados permite realizar uma previsão mais precisa sobre os principais desafios que a empresa pode enfrentar. É uma espécie de termômetro que aponta, por exemplo, uma possível crise financeira. Sabendo desse prognóstico, a empresa consegue se preparar, cortar custos supérfluos, economizar e não utilizar tantos recursos em criação de novos produtos, compra de matéria-prima e execução de processos. 

  1.     Timing

Por conseguir antecipar alguns cenários, um olhar atento da liderança aliada a uma análise detalhada de dados pode identificar o timing certo de executar ações estratégicas, bem como oportunidades e tendências, como produtos modernos que ganharão espaço no mercado, soluções que realmente se mostram promissoras para atender às demandas dos clientes e outras oportunidades de investimento. 

  1.     Valorização

É por meio dos dados que algumas empresas conseguem definir as demandas do seu público-alvo com assertividade, com isso, se torna muito mais simples investir e criar ofertas de produtos e serviços mais direcionadas, o que definitivamente agrega valor e eficiência ao negócio e contribui para uma experiência positiva do cliente. 

  1.     Centralização

Centralizar e compartilhar os dados com todos os colaboradores é uma forma de garantir mais autonomia e segurança na realização das atividades, isso porque democratiza as informações, colaborando para que o funcionário tome decisões mais embasadas e contribua diretamente para a otimização dos resultados e para o crescimento do negócio.

Estratégias para a consolidação da cultura de dados

Agora que você já conhece as principais vantagens de implementar a cultura orientada a dados no seu negócio, surge o verdadeiro desafio que é consolidar de fato esta ação, porém algumas táticas podem ajudar a dar os primeiros passos, entre elas: 

Rever investimentos

Os dados só vão se tornar estratégicos e úteis se a equipe estiver alinhada para gerar ideias inovadoras a partir do que é coletado e analisado. Dessa forma, é importante que a empresa avalie a produtividade e o desempenho dos colaboradores para então investir seus recursos de forma mais direcionada, permitindo que os profissionais se concentrem em atividades mais estratégicas e menos burocráticas.

Ter uma equipe ágil

Os colaboradores que compõem a equipe de análise de dados precisam trabalhar a autogestão e também apresentar algumas habilidades, entre elas: agilidade, adaptabilidade e flexibilidade, para que o trabalho analítico e as tomadas de decisões sejam feitos rapidamente e de forma mais autônoma e criativa. 

Desenvolver processos sólidos

Finalmente, a principal estratégia é enraizar a mentalidade da cultura de dados na estrutura e nos valores organizacionais do seu negócio, ou seja, todos que compõem a equipe precisam estar engajados e, principalmente, entender a relevância desta ação. 

Aqui vale a premissa de que os dados sozinhos não promovem o sucesso, portanto, é necessário muito mais do que a tecnologia, o que inclui estruturar processos sólidos e avaliar com frequência o desempenho de toda a sua equipe diante de mudanças, crises e melhorias.

Para que os dados realmente gerem soluções e impulsionem os resultados da empresa, é preciso mudar atitudes, hábitos e a mentalidade, incorporando os dados à cultura organizacional. As pessoas devem querer usar os dados e incentivar os demais a fazer o mesmo!

Lembre-se que no mundo moderno tudo é movido a dados, que são gerados massivamente e em tempo real, desta forma, entender esse potencial e aproveitá-lo ao máximo é uma maneira efetiva de se colocar um passo à frente no mercado.

Por fim, vale reforçar que consolidar a cultura de dados traz benefícios a curto, médio e longo prazos, principalmente no que diz respeito ao ganho de produtividade e rendimento. E aí, qual é a sua opinião sobre isso?

Caso tenha gostado desse conteúdo, leia também “Estudo mostra que empresas movidas a dados são 22% mais lucrativas”.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.