Novas tecnologias ajudam os negócios na redução de custos?

A tecnologia já faz parte de uma grande quantidade de processos corporativos. No entanto, muitos gestores ainda enxergam as soluções de TI como um investimento de alto valor, que nem sempre terá um retorno grande ou poderá reduzir os custos administrativos da empresa. Nesse sentido, líderes empresariais devem utilizar abordagens dinâmicas, que tratem as ferramentas de TI disponíveis no mercado como um vetor de inovação e eliminação de gargalos operacionais.

Atualmente, as principais tendências de TI podem causar um grande impacto nos custos de gestão de um empreendimento. Elas tornam serviços mais simples e econômicos, aumentando o grau de automação de um negócio. Quer saber mais? Então veja o nosso post de hoje e veja como as novas tecnologias podem ajudar os negócios na redução de custos!

Qual o papel das novas tecnologias para as empresas modernas?

Diversas ferramentas de TI são apontadas como maneiras de criar serviços mais inovadores e competitivos. Em um cenário com alta pressão para eliminação de processos com alto custo, gestores passaram a investir em soluções que fossem capazes de eliminar gastos e aumentar o nível de automação da cadeia operacional do empreendimento.

Soluções baseadas na nuvem, o uso de sensores e outras abordagens podem tornar o negócio mais ágil e capaz de atender melhor às demandas do mercado. Ao alinhar os investimentos na área com os objetivos do seu negócio, você consegue criar um portfólio de serviços mais eficaz e competitivo. Como consequência, sua empresa poderá ter lucros mais amplos a médio e longo prazo.

Quais são as tendências que ajudar na redução de custos operacionais de um negócio?

Na busca por serviços mais econômicos, empresas podem adotar um conjunto de estratégias que otimizam a gestão do empreendimento e diminuem o impacto orçamentário que vários processos possuem. Nesse sentido, o olhar atento às principais tendências do mercado permite que você encontre soluções simples, que aumentam a produtividade dos colaboradores e eliminam um grande conjunto de gargalos operacionais. Entre as tecnologias que podem ser adotadas, podemos destacar:

Computação na nuvem

A computação na nuvem é uma tecnologia que pode ser integrada a um grande número de processos operacionais de um negócio. Por meio dela, empresas conseguem criar serviços mais eficientes e com maior capacidade de resposta às demandas do mercado. Nesse sentido, o cloud computing aumenta a escalabilidade operacional do negócio, permitindo que sistemas sejam redimensionados conforme for necessário.

O licenciamento de softwares que são executados na nuvem, por exemplo, torna os gastos do setor de TI mais precisos. Os custos com sistemas corporativos vão variar conforme a demanda do negócio, reduzindo o impacto orçamentário que softwares de alto valor agregado podem causar a longo prazo.

Para quem busca a integração entre profissionais como uma estratégia para tornar a cadeia operacional mais fluida e econômica, a computação na nuvem torna mais simples a criação de ambientes com alto nível de colaboração. Plataformas de comunicação podem ser criadas, tornando projetos mais ágeis e ampliando a troca de informações entre setores. Com isso, sua empresa terá menos gargalos operacionais e um fluxo de dados mais confiável.

Serviços que utilizam geolocalização

O uso da geolocalização ganhou um grande impulso nos últimos anos com a popularização do smartphone e de outras ferramentas digitais. Graças ao grande número de pontos de acesso a redes sem fio, empresas podem utilizar o GPS em toda a sua cadeia logística. Da gestão de frotas ao acompanhamento de produtos, rotinas podem ser otimizadas e terem custos reduzidos.

O envio de mercadorias aos clientes, por exemplo, torna-se mais seguro e confiável. Integrado à web, a geolocalização permite que gestores acompanhem em tempo real cada veículo utilizado para a entrega de um produto. Assim, o suporte a um cliente que espera uma mercadoria ou mesmo a segurança de motoristas é ampliado sem que isso signifique um grande aumento nos custos de gestão da empresa.

QR Codes e códigos de barras

O acompanhamento do funcionamento da cadeia operacional de um negócio é uma importante tarefa para quem lida com logística empresarial. Analistas devem garantir que produtos sejam entregues aos consumidores dentro do prazo, sem que gargalos possam impedir a produção de um item ou ocasionar algum tipo de erro. Além disso, a gestão do estoque deve ser feita de tal forma que itens sejam administrados com a prioridade correta, impedindo que mercadorias fiquem paradas por muito tempo dentro da empresa.

Uma das estratégias que podem ser utilizadas para tornar o acompanhamento de um item mais simples e econômico pode ser por meio da implementação de códigos de barras e QR Codes. Integrados a sistemas de gestão e logística, esses códigos visuais podem auxiliar empresas a acompanhar um produto ao longo de sua cadeia operacional, tornando a identificação de problemas mais rápida.

Além disso, um código de barras ou QR Code pode ser utilizado como uma forma de acesso rápido a um grande conjunto de dados sobre um produto. Basta que um telefone escaneie a “etiqueta” para que informações como a data de validade e o lote sejam exibidas. Dessa forma, empresas que atuam no exterior podem tornar o acesso a dados sobre as suas mercadorias mais simples, implementando códigos visuais em suas embalagens de acordo com padrões internacionais do mercado.

Como manter as empresas mais competitivas?

A digitalização de rotinas, junto à computação na nuvem e a criação de processos mais integrados, estão entre as principais tendências de TI voltadas para o mercado corporativo dos últimos anos. Tais abordagens estão mudando a forma como negócios são gerenciados. Ao colocar a tecnologia no centro das estratégias de um empreendimento, você elimina gargalos operacionais e torna a sua empresa mais competitiva.

Em um momento pouco favorável para vários negócios, gestores devem investir em abordagens mais ousadas, que possam gerar uma redução de custos ampla e tornem as operações de um negócio mais econômicas e ágeis. Diante disso, a tecnologia ganhará um papel ainda mais importante para empreendimentos que buscam formas simples de otimizar a sua cadeia operacional. Da computação na nuvem ao uso de códigos de barra, várias rotinas poderão ser otimizadas, auxiliando sua empresa a ter serviços mais eficientes e lucrativos.

Gostou do nosso post e quer receber mais dicas para tornar o seu negócio mais eficiente? Então assine já a nossa newsletter!

 

Postagens relacionadas
Leitor de código de barras
Leitor de código de barras: entenda como funciona
10 dúvidas sobre embalagens para exportação para não errar!
[Estudo] Índice de Automação do Mercado Brasileiro 2017
5 vantagens da automação para o pequeno varejista
5 vantagens da automação para o pequeno varejista
A relevância do código de barras para o desempenho comercial da empresa
2 Comentários
  • Olá, vocês fazem palestras sobre estes temas? Vamos realizar no próximo mês de maio/17, um encontro estadual das empresas de serviços cujo tema é: A Tecnologia a seu serviço. A palestra poderia ser sobre: O papel das novas tecnologias para as empresas modernas ou Como manter as empresas mais competitivas?

    Obrigado.

    • Olá, Gildivam –
      Tudo bem?
      Sua mensagem foi repassada para nossa área de educação, que entrará em contato em breve.
      Um abraço e obrigado pelo interesse.
      GS1 Brasil

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web