Entenda o papel do EAN/GTIN no e-commerce

O e-commerce já conquistou uma posição de liderança no comércio e no varejo brasileiro. As expectativas da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (Abcomm) são de números recordes em 2023, atingindo a marca de R$ 185 bilhões em faturamento até o fim do ano. Essa é apenas uma métrica que explica por que todo empreendedor que atua na área precisa concentrar seus esforços na internet e no digital.

O padrão EAN/GTIN da GS1 Brasil já desempenhava um papel crucial no comércio tradicional. Os códigos de barras sempre foram fundamentais para a padronização de informações sobre os produtos que circulam pelo mercado, sendo uma solução logística prática e altamente eficaz. Sua relevância não mudou com o fenômeno do e-commerce – apenas se intensificou!

O EAN/GTIN não só continua cumprindo seu papel no ambiente digital como também assumiu responsabilidades ainda maiores no e-commerce. Entenda como a seguir.

Qual a função do EAN/GTIN?

O EAN/GTIN é um padrão exclusivo da GS1 Brasil, presente em cada um dos códigos de barras gerados pelo nosso sistema. Ele consiste em uma sequência numérica que pode conter de oito a 14 dígitos, sendo a variação com 13 dígitos a mais comum no Brasil. Sua função é servir como um documento de identidade para cada produto fabricado, permitindo que toda unidade seja rastreável e facilmente identificada.

O EAN/GTIN é único e intransferível, ou seja, não é possível que um mesmo número contemple mais de um produto. No e-commerce, esse é um fator essencial para garantir organização e precisão nas pesquisas dos consumidores, já que o ambiente digital compila uma infinidade de anúncios e produtos à venda. 

As plataformas de marketplace, que funcionam como shoppings virtuais, utilizam o padrão para organizar e categorizar os produtos. Dessa forma, através da pesquisa de palavras-chave, o usuário consegue ser direcionado para os itens que deseja encontrar de uma forma mais precisa e eficaz, já que o algoritmo consegue identificar os produtos pesquisados através do EAN/GTIN.

Todas as informações cadastradas no Cadastro Nacional de Produtos são compartilhadas entre essas plataformas através desse código numérico, garantindo anúncios confiáveis e bem posicionados nos mecanismos de busca.

Por que o EAN/GTIN é importante no e-commerce?

Para começar, o EAN/GTIN não só desempenha um papel de destaque nos marketplaces, como também é obrigatório na maioria deles. Os líderes do comércio digital, como Mercado Livre, Amazon, Shopee, dentre outros, exigem esse número de identificação ao cadastrar qualquer anúncio dentro de suas plataformas. Sem ele, muitas vezes não é possível vender nestes sites.

Ao cadastrar o EAN/GTIN corretamente, todas as informações do Cadastro Nacional de Produtos ficam disponíveis no marketplace, posicionando os anúncios em resultados melhores. O vendedor se beneficia com mais exposição e a empresa responsável com uma plataforma mais organizada e funcional. Já o consumidor sai ganhando com resultados mais precisos e uma compilação dos melhores anúncios disponíveis.

Não menos importante, é graças ao EAN/GTIN de cada produto que torna-se possível rastreá-lo em todas as etapas da cadeia de suprimentos. Dessa forma, o consumidor consegue acompanhar a rota do seu pedido, do momento que é enviado até finalmente chegar à sua casa.

É por isso que nossos padrões são tão importantes dentro do e-commerce. Como o EAN/GTIN é exclusivo da GS1 Brasil, é necessário se tornar um afiliado para começar a vender dentro das principais plataformas de marketplace. Para mais informações sobre como solicitar o seu código de barras e se tornar um associado, acesse este link

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.